O projeto Photo Ark, do fotógrafo Joel Sartore para o National Geographic, anunciou o registro da 10.000ª espécie da série: o gato-chileno, o menor gato selvagem da América. A fotografia foi tirada na reserva da Fauna Andina, região de preservação desta espécie, que está ameaçado na lista vermelha de extinção.

Conforme a União Internacional para a Conservação da Natureza, a população desses animais está ameaçada, principalmente, por causa da degradação do habitat, doenças, mortes por predadores e de acidentais de carro.

A iniciativa de Sartore tem como objetivo documentar as espécies ameaçadas de extinção para inspirar as pessoas a preservarem os animais. O conjunto de dez mil fotos representa dois terços do total até o final do projeto, que testemunha diversos os tipos de animais: aves, peixes, répteis, mamíferos.

“Este é um marco emocionante. Com esta iniciativa, fomos capazes de destacar a importância de espécies que, de outra forma, não receberiam a atenção que merecem. Convidamos todos a refletir sobre o que cada um pode fazer para proteger nosso planeta e as espécies que nele vivem”, disse o fotógrafo.