Trólebus deixam de emitir 21,1 mil toneladas de CO2

0
4910

Elétricos que circulam em São Paulo evitaram o uso de 8,1 milhões de litros de diesel desde janeiro de 2017

Uma pesquisa da EMTU, empresa de transportes, mostrou que os trólebus (ônibus elétricos fabricados pela Metra, sistema metropolitano de transportes), que circulam na região metropolitana de São Paulo, deixaram de usar 8,1 milhões de litros de óleo diesel entre janeiro de 2017 e outubro de 2018, além de serem responsáveis por diminuir a emissão de carbono em 21,1 mil toneladas no período.

A pesquisa levou em conta os trólebus fabricados até 2012 e comparou com os ônibus da mesma época, que seguiam os padrões internacionais Euro 3 de emissão, levando em conta, que tanto os ônibus quanto os trólebus, já tinham cerca de 11 mil quilômetros rodados.

O corredor tem 45 quilômetros e passa por São Mateus, na zona Leste da capital, Santo André, Mauá, São Bernardo do Campo e Diadema, na região do ABC paulista e vai até o bairro do Brooklin, na zona Sul.