De Hilux, conhecendo as Águas da Mantiqueira

0
4421

Nada melhor do que testar um carro junto à natureza, e desta vez foi a Hilux. Levamos a picape da Toyota, na Serra da Mantiqueira, região do Vale do Paraíba, que abrange os estados de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro

A Hilux está completando 50 anos, e desde 1998 sendo produzida na Argentina para o mercado do Mercosul. Motor 2.8 diesel, tração 4 X 4, suspensão alta, cheia de tecnologia. O tipo de carro ideal para conhecer o Projeto Águas da Mantiqueira, que busca através de pesquisas científicas o desenvolvimento social e econômico da região, formada por municípios de Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro.

É o 8º Ecossistema mais rico do mundo, tem 5% de toda a flora mundial e abriga dez bacias hidrográficas, num total de 590 km de rios. As águas da Mantiqueira abastecem 14 milhões de pessoas na área metropolitana de São Paulo, inclusive o Sistema Cantareira.

Mas com toda essa riqueza natural, a região também sofreu com a crise hídrica em 2014 e as comunidades locais resolveram fazer esse estudo para proteger os recursos naturais e assim manter a produção de água.

Os resultados têm sido muito positivos. E onde entra a Hilux? A Fundação Toyota do Brasil apóia o projeto e as picapes são usadas para a locomoção dos pesquisadores nas matas da região, trabalho que você vai conhecer em reportagens que fizemos no local e que serão publicadas nos próximos dias.

É um passeio bacana, com muita opção de hospedagem e em cidades como Santo Antonio do Pinhal, São Bento do Sapucaí e Gonçalves.

Um passeio para o fim de semana. Santo Antonio do Pinhal fica no Vale do Paraíba, a 172 km de São Paulo.